Concerto lírico da soprano Maria Pia Piscitelli no Theatro Municipal do Rio de Janeiro

0
969

A soprano italiano Maria Pia Piscitelli dará concerto no Theatro 
Municipal do Rio de Janeiro, acompanhada do Coro e Orquestra Sinfônica 
do TMRJ, no dia 31/08, às 20h. A apresentação será dedicada às cenas 
finais da chamada “Trilogia Tudor” de Donizetti, composta pelas óperas 
“Anna Bolena”, “Maria Stuarda” e “Roberto Devereux”.

Participarão os solistas Lara Cavalcanti (mezzo-soprano), Ivan 
Jorgensen (tenor), Weber Duarte (tenor), Ciro D’Araújo (barítono) e 
Fabricio Claussen (barítono).  A regência será do maestro Ira Levin.

Uma das maiores cantoras líricas da Itália na atualidade, Maria Pia 
Piscitelli ganhou, em 1998, o concorrido concurso Aslico de Milão, que 
a levou a debutar no Teatro Olímpico de Vincenza como protagonista da 
ópera “La Calisto”, de Francesco Cavalli. Foi, em seguida, finalista 
do Concurso Maria Callas, na Grécia, e vencedora do Concurso Rossini, 
na Alemanha. Fez apresentações nas principais casas de ópera do seu 
país natal e em teatros da Alemanha, França, Holanda, Espanha, Chile, 
Argentina, Peru, Japão e China. Piscitelli tem em seu currículo um 
vasto repertório dos principais papéis do bel canto incluindo papéis 
em óperas de, Cherubini, Bellini e Donizetti até óperas mais complexas 
de Verdi, Puccini e Leoncavallo.

Piscitelli, vem de apresentações recentes, este ano, na Casa de Ópera 
de Zurique, na Suíça, onde atuou em “A Força do Destino”, e no 
papel-título de “Tosca”, na Casa de Ópera de Copenhagen, na Dinamarca.

Domenico Gaetano Maria Donizetti nasceu na cidade de Bérgamo, na 
Itália. O seu primeiro grande sucesso foi com a ópera “Esule di Roma”, 
estreada em 1828, em Napoles. Donizetti era um compositor prolífico. 
Sua fama ultrapassou as fronteiras da Itália com o seu primeiro grande 
sucesso internacional, “Anna Bolena” (1830), que ao lado de “Maria 
Stuarda” (1835) e “Roberto Devereux” (1837), faz parte do grupo de 
óperas de Donizetti sobre o período Tudor na história inglesa.

Programa:

Cenas finais das óperas “Anna Bolena”, “Maria Stuarda” e “Roberto Devereux”
de Donizetti.
Participação de Lara Cavalcanti, Ivan Jorgensen, Weber Duarte, Ciro
D’Araújo e Fabrício Claussen
Orquestra e Coro do Theatro Municipal do Rio de Janeiro
Regência: Ira Levin
Concerto lírico com o soprano Maria Pia Piscitelli

Preços dos ingressos:

Frisas e camarotes (6 lugares) – R$ 720
Camarotes (5 lugares) – R$ 600
Plateia /Balcão Nobre: R$ 120
Balcão Superior Central: R$ 80
Balcão Superior Lateral: R$ 60
Galeria Central: R$ 60
Galeria Lateral: R$ 40

Theatro Municipal do Rio de Janeiro – Praça Floriano s/n° – Centro
Lotação – 2.226 lugares
Duração total – 2 horas
Ingressos na bilheteria ou no ingressorapido.com
Classificação etária: Livre

Patrocínio Ouro Petrobras

Apoio: Livraria da Travessa, Rádio SulAmérica Paradiso, Rádio Roquete 
Pinto e Ingresso Rápido

Realização: Fundação Teatro Municipal, Associação de Amigos do Theatro 
Municipal, Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e 
Governo Federal

O Theatro Municipal é vinculado à Secretaria de Estado de Cultura e 
Economia Criativa do Rio de Janeiro.