Atenção especial à saúde do idoso em São João da Barra

0
212

Desde o início da pandemia do coronavírus, o Programa de Atenção Integral à Saúde da Pessoa Idosa, juntamente com os agentes comunitários de saúde e equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF),  vem orientando os mais de 4 mil idosos de São João da Barra sobre como prevenir da doença. Como as atividades presenciais estão suspensas, as orientações são transmitidas via telefone ou através das visitas domiciliares.

“Os idosos são instruídos a seguir medidas simples e eficazes como cuidar da saúde, beber bastante líquido, lavar as mãos com maior frequência, isolamento social, evitar o contato com pessoas vindas de áreas com casos confirmados e manter em dia o calendário de vacinação. É feito, também, o monitoramento dos que apresentam algum sintoma respiratório”, explicou a coordenadora do Programa de Atenção Integral à Saúde da Pessoa Idosa, Luziane Azevedo.

Outra medida desempenhada é a vacinação domiciliar contra a gripe H1N1 e Influenza, que prossegue até 23 de maio. Mais de dois mil idosos já foram vacinados e o restante será gradativo até o término da campanha. Para receber a vacina o idoso deve estar cadastrado em uma das unidades de saúde do município. Caso ainda não seja cadastrado, basta alguém da família comparecer à unidade de saúde mais próxima de sua residência e fazê-lo.

 “Essa campanha vai imunizar o idoso contra a gripe H1N1 e Influenza, mantendo desta forma o organismo  mais forte. Acrescentando que até o momento não há vacina disponível que reduza o risco de infecção por coronavírus”, enfatizou Luziane,

Atividades on-line – Nesse período em que os idosos são recomendados a ficar em casa para se proteger contra o coronavírus, a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, por meio do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo e dos Centros de Referência da Assistência Social, suspendeu as atividades presenciais e vem desenvolvendo aulas on-line através de vídeo chamada pelo whatsapp objetivando a continuação das atividades e reforçando as orientações de prevenção ao coronavírus.