Fundição Progresso lança cursos para inspirar o carnaval em casa

0
229

O Centro Cultural Fundição Progresso apresenta, no mês de fevereiro, uma programação de cursos online, com arte-educadores, para experiências práticas e reflexivas sobre o carnaval. Com a casa fechada por conta da pandemia de Covid-19, a ideia é levar um pouco da festa para dentro da casa das pessoas, com segurança e alegria.

O projeto Escola de Saberes terá seis oficinas gratuitas com professores especialistas em diversas áreas que compõem e pensam o carnaval, como Luiz Antonio Simas, Lena Martins, Aline Valentim, Fernanda Santoro, Clarice Magalhães e Beto Moreira. As aulas acontecerão pelas plataformas do Zoom e canal da Fundição no YouTube. A realização é da Fundição Progresso e Viva Brasil através do incentivo da Lei Aldir Blanc para Pontos de Cultura, edital #CULTURAVIVARJ da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro.

“As atividades oferecidas estão no campo da criatividade e inspiração, para podermos brincar, na segurança da nossa casa, mas com aquele toque de purpurina que o carnaval merece. Teremos dicas para que todos possam colocar seus estandartes nas janelas, tocar um samba, dançar, se maquiar e aprender sobre a riqueza dessa manifestação cultural brasileira”, diz Vanessa Damasco, gestora de projetos da Fundição Progresso.

O carnaval em casa começa com as aulas de Maracatu com Aline Valentim, coreógrafa, bailarina e professora, referência em dança afro-brasileira e danças populares. Serão seis encontros às sextas, segundas e quartas, a partir de 5 de fevereiro, às 9h.

A maquiagem arte será o tema das aulas de Fernanda Santoro, que acontecem nos dias 5, 6 e 13 de fevereiro, às 18h. Produtora de maquiagem há 13 anos, ela trabalhou em grandes escolas de samba, além de teatro e TV.

Beto Moreira vai ministrar sessões de cineclube com filmes sobre carnaval, nos dias 6 e 13, às 15h. Ele é co-fundador da primeira escola livre de cinema e vídeo da cidade, o Vídeo Fundição/ Arcos Digital Filmes, além de idealizador de escolas técnicas e produtor de cinema.

Lena Martins, militante do movimento de mulheres negras e criadora das bonecas Abayomi, vai ensinar sobre criação e confecção de estandartes em 3 aulas, nos dias 8, 10 e 12, às 17h.

O ritmo fica por conta das aulas de pandeiro, com Clarice Magalhães, nos dias 9, 11, 14 e 16, às 18h. Pandeirista pós graduada em música, ela é fundadora e regente da Orquestra de pandeiros Tum Tá que Tá.

Fechando a programação, o historiador, escritor, professor e compositor Luiz Antônio Simas dará uma aula sobre a história do carnaval no dia 11 de fevereiro, às 20h, no Canal do Youtube da Fundição.


De 5 a 17 de fevereiro

Inscrições gratuitas: www.fundicaoprogresso.com.br