Angra dos Reis – Serviços sociais mais próximos da população

0
120

A partir da próxima semana, a população de comunidades mais distantes dos centros urbanos vai passar a contar com o Cras Móvel. A van, que foi apresentada em cerimônia ocorrida nesta sexta-feira (18/06), na Secretaria de Desenvolvimento Social e Promoção da Cidadania, vai oferecer os serviços disponibilizados nos oito Centros de Referência de Assistência Social (Cras), localizados no Centro, Nova Angra, Campo Belo, Belém, Bracuí, Frade, Parque Mambucaba e Monsuaba

– Esse projeto é um grande avanço, todos vão ganhar. Me alegro por estar participando deste momento – enfatizou o secretário-executivo de Assistência Social.

O primeiro local a receber o Cras Móvel será a Sapinhatuba 1, na próxima terça-feira (22/06), às 8h30. No dia 25/06, será a vez de Jacuecanga e, no dia 29, da Serra D’Água. Outros locais serão incluídos na agenda posteriormente. A ideia é que com o projeto o número de atendimentos seja ampliado em 40%.

– O projeto visa facilitar a vida de pessoas que estão em vulnerabilidade e precisam de atendimento e muitas vezes não têm condições de buscar os serviços, sobretudo em tempo de pandemia. Com o Cras Móvel, vamos garantir a proteção social básica – explicou o secretário de Desenvolvimento Social e Promoção da Cidadania.

Serão ofertados: Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF), benefícios socioassistenciais e as diversas atividades do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos. O Cras Móvel permitirá ainda o atendimento do Cadastro Único, ações na área da Segurança Alimentar e Nutricional e auxiliará nas campanhas de mobilização e divulgação.

– Esse projeto é muito importante para a cidadania. Temos que trabalhar para que as pessoas se sintam integradas à sociedade – frisou o secretário de Governo e Relações Institucionais que representou o prefeito, ausente devido a uma reunião no Governo do Estado.

Também participaram da cerimônia de entrega do Cras Móvel três vereadores representando a Câmara Municipal, o secretário de Assistência Social de Mangaratiba e um deputado federal que visitava a cidade.