Sesc RJ e Cruz Vermelha distribuem refeições a pessoas em situação de rua e a moradores do Lins de Vasconcelos

0
179

O Sesc RJ e a Cruz Vermelha distribuíram, nesta quinta-feira (18/6), mil sopas e mil refeições a pessoas impactadas pela crise provocada pela Covid-19 no Rio de Janeiro. As doações foram destinadas a moradores do Complexo do Lins de Vasconcelos e a pessoas em situação de rua do Centro do Rio, Complexo da Maré, Morro do Turano e do bairro de Água Santa. A operação contou com o apoio da Associação de Moradores e liderança locais do Lins de Vasconcelos e do Instituto Missionário Comunhão e Participação.

O preparo começou às 8h nas cozinhas da unidade do Sesc em Engenho de Dentro e no restaurante do Sesc no Norte Shopping. Os insumos são fornecidos por empresas e instituições parceiras, assim como produtores rurais que já contribuem regularmente com doações ao Mesa Brasil Sesc RJ – programa de combate à fome e ao desperdício de alimentos – através do projeto Mesa no Campo.

Essa foi a terceira ação solidária da parceria entre as duas instituições, iniciada dia 4/6. Já houve distribuição dos alimentos na Rocinha, no Jacarezinho e em comunidades de Cascadura, Nova Sepetiba e Campos, além da Clínica da Família Barbara Starfield, para profissionais de saúde. O trabalho consiste no preparo e na doação, às quintas-feiras, de mil sopas e mil refeições a pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Mais de 400 toneladas arrecadadas – Desde que se impôs o isolamento social como forma de combate à pandemia da Covid-19, o programa do Mesa Brasil Sesc RJ já arrecadou cerca de 405 toneladas junto a 95 parceiros doadores. Os donativos estão sendo distribuídos a pessoas em situação de vulnerabilidade social. De março até agora, já são mais de 186 mil pessoas atendidas em 37 municípios. Noventa militares do Comando Conjunto Leste – envolvendo Marinha, Exército e Aeronáutica – apoiam na logística de recebimento e distribuição das doações. Só nas últimas semanas, 40 mil pessoas foram beneficiadas com 8.200 cestas básicas, 10 toneladas de hortifrutigranjeiros e 7 toneladas de sorvete.