Centro Esportivo Miécimo da Silva recebe visita de Viviane Lyra, da marcha atlética

0
229

O Centro Esportivo Miécimo da Silva, em Campo Grande, recebeu uma presença ilustre nesta quarta-feira (28/2). A atleta Viviane Lyra, medalhista de bronze no revezamento misto da marcha atlética nos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023, ao lado de Caio Bonfim, compartilhou a experiência no esporte com os alunos. Emocionada, Viviane falou sobre sua trajetória, sobre a modalidade e desafiou o público a dar uma volta na pista obedecendo as principais regras da marcha atlética: manter um dos dois pés sempre em contato com o chão e a perna de apoio estar estendida até que o pé da perna contrária toque no solo. 

A atleta faz parte do Time Rio, parceria da Prefeitura do Rio com o Comitê Olímpico do Brasil (COB) e o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), que apoia os esportistas de alto rendimento. O projeto beneficia 60 atletas, sendo 36 olímpicos e 24 paralímpicos, com uma bolsa de cerca de R$ 8 mil dada pela Prefeitura do Rio.

O secretário de Esportes, Guilherme Schleder, ressaltou a importância do projeto e a felicidade em poder proporcionar momentos especiais aos alunos dos equipamentos esportivos da Prefeitura do Rio.

– O Time Rio conta com um elenco fantástico e é uma alegria imensa poder proporcionar aos alunos das Vilas Olímpicas essa troca de experiências, deles interagirem com ídolos esportivos e poder inspirá-los – disse o secretário de Esportes, Guilherme Schleder.

Viviane Lyra se emocionou ao contar ao público sobre sua trajetória e lembrar que já competiu na pista do local. A atleta levou duas de suas medalhas para o público ver de perto: a de ouro da Copa Brasil Loterias Caixas de Marcha Atlética, realizada este mês em Vitória, no Espírito Santo; e a de bronze na estreia do revezamento misto de maratona da marcha atlética nos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023. Viviane conquistou a vaga olímpica nos 20 km da marcha atlética e está em busca da vaga no revezamento misto, prova que vai ser realizada pela primeira vez no programa olímpico, em Paris 2024, com o mesmo formato dos Jogos de Santiago.

– Fiquei emocionada. Comecei nova, como eles, aos 11 anos, e já competi aqui nessa pista do Miécimo, antes da reforma. Hoje, pude compartilhar com eles um pouco mais da marcha atlética e ver as crianças empolgadas. Quando a gente inicia no esporte vai criando objetivos e hoje eu estou podendo realizar meus sonhos, trouxe essa medalha de bronze para o Brasil, nos Jogos Pan-Americanos, e já estou classificada para os Jogos Olímpicos. O apoio da Prefeitura, através do Time Rio, tem sido fundamental para eu conseguir treinar e me dedicar totalmente ao esporte, com todo o suporte necessário – destacou Viviane.

A família da atleta também participou da visita. A mãe Rosilene Santana contou que sempre incentivou os filhos na prática esportiva e falou sobre a importância do esporte no desenvolvimento infantil.

– Sinto muito orgulho. Ela começou a praticar atletismo na escola e adorou. O esporte ajudou minha filha a superar a perda do pai e vem trazendo muitas conquistas. Sempre que eu posso vou acompanhá-la, dar uma força e torcer – contou Rosilene. 

As crianças foram desafiadas por Viviane a marchar pela pista, que conta com 400 metros e foi reformada em junho do ano passado. A aluna Stella Coelho, de 10 anos, ficou encantada com a interação com a atleta e foi uma das primeiras a topar o desafio. A mãe de Stella, Eliane, contou que a filha ama praticar esportes no Miécimo e achou fantástica a experiência vivida neste dia. Animada, Stella falou que adorou a oportunidade. 

– Eu achei muito maneiro ver uma atleta com tantas medalhas aqui. Achei diferente o jeito que ela corre e gostei de aprender. Dei duas voltas na pista e não fiquei cansada. Foi muito divertido  – afirmou Stella.

Quem também estava muito empolgado com a visita era Davi Lucas, que ama as aulas de atletismo e já até conquistou medalhas na modalidade. Ano passado ele disputou o Intervilas, campeonato que reúne atletas das Vilas Olímpicas, e ganhou medalha de ouro.

– Eu gosto muito das aulas aqui no Miécimo, pois conseguimos fazer vários esportes e aprender bastante. Também amo competir, já ganhei medalha no Intervilas e quero ganhar mais, como a Viviane – comentou Davi.

 A professora Silvia Weldja, dá aulas há quatro anos no centro esportivo e estava muito feliz em ver seus alunos realizados com essa oportunidade.

– A visita da Viviane foi uma grande experiência para os meus alunos. Eles puderam conhecer um pouco mais sobre a marcha atlética e ter um contato com uma atleta profissional. Foi bem produtivo e um incentivo a mais para eles – festejou.