Feira de sustentabilidade Faz Girar Market,  no Museu da República

0
436

No próximo final de semana, dias 13 e 14 de maio, sábado e domingo, A Faz Girar Market faz sua primeira edição do ano no Museu da República. A feira de economia circular, que prega consumo colaborativo e alimenta o empreendedorismo sustentável vai ocupar os jardins do Museu da República, no Catete.  Em sua 20ª edição e comemorando quatro anos de circulação, o evento vai reunir 40 barracas para praticar o desapego e aproveitar a Semana da Compostagem, para debater o assunto com a participação do Ciclo Orgânico, que vai ensinar a fazer compostagem em casa. E ainda tem a Junta Local, que apresentará o melhor da gastronomia vegetariana. 

– A ideia do Faz Girar é reunir pessoas para repensar seu consumo. Nossas escolhas de compras impactam diretamente na geração de resíduos dentro de cada casa. Pequenas ações no dia-a-dia como a compostagem e a escolha por produtos de segunda mão diminuem nossa pegada de carbono e influenciam as pessoas com quem convivemos. Nossa feira é o local ideal para o público experimentar e viver, na prática, novas formas de consumo, mais sustentável e colaborativo. 

A programação está dividida em três partes: educacional, cultural e social. A primeira conta as campanhas #useseuusado, oficina de minhocário e palestras com diversos temas, como “Moda sustentável” com Patrícia Santana (designer de moda e colaboradora do Fashion Revolution); “Alimentação Natural com Giovanna Nader (a comunicadora socioambiental e podcaster) e Tita Guimarães (advogada e fundadora do Tita Bistrô e da Vegan Burger House). A programação educacional se completa com logística reversa e arrecadação de resíduos especiais, como medicamentos, esponjas, óleo de cozinha usado, instrumentos de escrita, lacres de lata, lixo eletrônico, além de pilhas e lâmpadas.  Na área cultural, o evento vai contar com tendas de intercâmbio de livros e um palco aberto para artistas de rua, enquanto a parte social vai receber arrecadações para a causa pet, direitos menstruais e roupas para doação.

Um dos destaques do evento é o Clube de Trocas – em parceria com a AZ Sustentabilidade – que está completando dois anos na feira. Durante a feira, uma tenda é disponibilizada para o Clube expor alguns dos produtos e você pode se associar na hora e participar das trocas, que custam de R$1 a R$30. Todos os itens devem ter vida útil e precisam estar em bom estado, limpos e higienizados.

Quem conhece o Faz Girar Market vira fã. Programa necessário para Reduzir (o consumo), Repensar (o meio ambiente) e Reusar o que está em casa sem utilidade, praticando a sustentabilidade. Ao todo o evento vai reunir mais de 40 barracas para compra e venda de produtos usados, que podem ser pessoas jurídicas, como brechós e colecionadores – e ou pessoas físicas que desejam praticar o desapego de roupas e objetos pessoais.  Programa família, com atividades para as crianças e oficinas de reutilização.

 

O COMEÇO DE TUDO

O Faz Girar Market foi criado pela designer Paula Maia, em maio de 2019. Ela fez pós-graduação em Gestão de Marketing e se formou com o projeto sobre consumo colaborativo.  Depois foi morar na Espanha e tomou contato com a rotina dos europeus em separar o lixo, reciclar e praticar o consumo consciente. Ela voltou ao Brasil com a ideia de trabalhar conceitos mundiais de economia circular e consumo colaborativo e desde então tem levado seu projeto a vários bairros do Rio de Janeiro. O evento já rodou por Botafogo, Ipanema e Tijuca, sempre com grande sucesso de público.  A empreendedora destaca a edição na Cobal do Humaitá, em 2021, como a mais representativa, por ter acontecido quando as pessoas estavam começando a flexibilizar depois da pandemia. Até hoje o local é um dos mais pedidos pelos participantes, mas para Paula, independente do lugar, o importante é praticar o desapego. 

–  O principal objetivo do Faz girar é educar a população a praticar a sustentabilidade, incentivando o consumo consciente e a economia colaborativa.  Cada edição é uma pequena vitória e eu me sinto recompensada, mas ainda tem um longo caminho até pensarmos como os espanhóis”, atesta. 

 

Palestras / Fashion Talks/ Eco Talks

Sábado, dia 13/5

11h – Compostagem: Metade dos seus problemas estão resolvidos | Com Lucas Chiabi (Ciclo Orgânico)

15h – Gestão de resíduos em condomínios | Aurora (Recicle reutilize e plante)

16h – Tem veneno na comida e microplástico no pulmão! | Giovanna Nader  (Comunicadora socioambiental, apresentadora e podcaster)

17h – Ser sustentável começa com a sua alimentação | Tita Guimarães (Tita Bistrô e Vegan Burger House fundadora)


Domingo,  dia 14/05

11h – Como seria o mundo se as abelhas sumissem?  | Maria Clara (Energia da Terra)

15h – A vida secreta dos plásticos | Gustavo Cunha (Um Mundo)

16h – O que você faz com a roupa que não quer mais? | Patrícia Santana (Fashion Revolution e designer de moda) e Mateus Vieira (colaborador Frente de Mobilização da Maré)

 


SERVIÇO:

FAZ GIRAR MARKET 

FEIRA DE SEGUNDA MÃO E SOLUÇÕES SUSTENTÁVEIS

DIAS: 13 E 14 DE MAIO – SÁBADO E DOMINGO

HORÁRIO: 10H ÀS 18H

LOCAL: MUSEU DA REPÚBLICA

ENDEREÇO: RUA DO CATETE 153 – CATETE – RIO DE JANEIRO

ENTRADA FRANCA

@fazgirarmarket