André Frateschi traz pela primeira vez ao Rio de Janeiro o show “Heroes – Um Tributo a David Bowie” 

0
312

O músico e ator André Frateschi traz ao Manouche – e pela primeira vez no Rio de Janeiro – o show “Heroes”, todo dedicado ao genial repertório do saudoso mestre do pop David Bowie, no dia 15 de março, quarta. 

Foi aos sete anos de idade que Frateschi ganhou de presente o LP “Alladin Sane” e, desde então e a cada disco descoberto, foi acariciando a idéia de criar uma banda só pra tocar Bowie. E esperou acumular experiência no teatro, cinema e na TV para dar início à empreitada. O passo seguinte, em 2005, foi chamar amigos músicos da cena do rock paulistano, aficionados por Bowie, para fechar o time. 

E deu tão certo que há 17 anos este show é um sucesso em São Paulo, com destaque para a temporada de sete anos ininterruptos lotando as noites no Studio SP, a apresentação no aniversário de São Paulo para milhares de pessoas, além de diversos outros espaços importantes da cidade, criando uma cena Bowie na noite paulistana. 

“Meu primeiro herói foi o Bowie. “Alladin Sane” aos nove anos abriu uma estrada dentro de mim. Logo depois veio “Labirinto“ e, desde então, amo e estudo Bowie. Toco esse repertório desde 2006 e finalmente trazer pro Rio, e no Manouche, é muito maravilhoso. São canções que foram a trilha de um dos maiores artistas dos nem tão últimos tempos”, conta Frateschi. 

Um artista capaz de aglutinar em torno de sua obra nomes como Andy Warhol, Lou Reed, Iggy Pop, Bertold Brecht, Kurt Weil, Brian Eno e tantos outros, redefiniu a importância da música pop. Um artista que misturou música, artes cênicas, moda, cinema e comportamento desde o princípio, sempre arriscando, sempre dez anos à frente do mundo. Esse é David Bowie.

Depois da estréia – e sucesso – desse show, a relação com o universo de Bowie foi ficando mais intensa e se estreitou quando Mike Garson, pianista que acompanhou Bowie em toda sua carreira, gravou sete músicas no disco de estréia de André, “Maximalista”. Em 2018, ao se apresentar no Brasil, a banda que acompanhou Bowie em toda carreira, liderada por Adrian Belew, convidou André para participar do show “Celebrating David Bowie” no Memorial da América Latina dentro do Popload Festival e André ainda participou de todos os shows da turnê sul-americana. 

Além do trabalho com as músicas de David Bowie, Frateschi também ficou conhecido ao participar da turnê de aniversário de 30 anos do primeiro álbum da Legião Urbana ao lado de Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá como o vocalista principal. 

No Manouche, Frateschi se apresenta com Piero Damiani, teclado e piano, e Lucas Vasconcellos, em participação especial na guitarra, com um repertório que passa por toda a obra do Bowie, desde “Space Oddity”, do começo da carreira, por “Changes”, “The Man Who Sold the World”, “Under Pressure”, “Lets Dance”, “China Girl”, entre tantos outros clássicos até chegar ao seu último disco, “Black Star”.

 

Serviço:

Show: André Frateschi no show “Heroes: Tributo A David Bowie”

Local: Manouche: Rua Jardim Botânico, 983 (subsolo da Casa Camolese)

Datas: 15 de março, quarta

Horário: 21h

Preço: R$ 60,00 (ingresso solidário – levando um quilo de alimento não perecível ou livro, a ser doado para o ONG Instituto da Criança – e meia-entrada) l R$ 120,00 (inteira)

Vendas: https://linktr.ee/clubemanouche