Arraiá da Fundição abre temporada junina com Alceu Valença

0
75

Se é tempo de festa junina, o Arraiá da Fundição é programa certo, assim como a presença de Alceu Valença no palco da Casa de Todas as Tribos. No dia 14 de junho, ele faz o show “MEU QUERIDO SÃO JOÃO”, com abertura de DJ Xeleléu e encerramento do bloco Amigos da Onça. Com mais de 20 anos de história, o festejo na Casa de Todas as Tribos e Ritmos é um dos mais tradicionais da cidade, com decoração temática no local e no entorno da Lapa, trio de forró, barraquinhas com quitutes, jogos e brincadeiras com a participação do público.

A turnê mostra o melhor do repertório de Alceu em xotes, forrós, baiões, toadas e emboladas – gêneros surgidos no agreste e no sertão do Brasil profundo, assimilados diretamente da fonte pelo cantor, nas festas, feiras e alto-falantes de sua São Bento do Una natal. Sob esta influência, revisitada em sua faceta sonora mais universal, Alceu mostra sucessos de sua lavra, como “Coração Bobo”, “Cabelo no Pente”, “Tropicana”, “Táxi Lunar”, Belle de Jour”, “Anunciação”, “Girassol” e “Pelas Ruas Que Andei”, sempre presentes nas festas juninas mais antenadas de nosso tempo. 

Dentre as novidades, estão canções como “Meu Querido São João”, tema do filme “A Luneta do Tempo”, escrito e dirigido por Alceu. Sem perder a conexão com a tradição, o cantor recria um módulo de Luiz Gonzaga e Jackson do Pandeiro, com temas como “Baião”, “Xote das Meninas”, “Vem Morena”, “Sabiá”, “Pagode Russo”, “Sala de Reboco”, “Olha pro Céu”, “O canto da Ema” reafirmam com vigor que, assim como a embolada, o forró de todos os tempos também não tem parada. A banda é formada por Tovinho (teclados), André Julião (sanfona), Zi Ferreira (guitarra), Nando Barreto (baixo) e Cássio Cunha (bateria).


Esquenta com DJ Xeleléu

A abertura fica por conta de DJ Xeleléu, o DJ de Forró Pé de Serra mais antigo no Rio de Janeiro, que desde 1999 difunde a temática nordestina através da musicalidade existente nesta cultura, com um abrangente repertório marcado por xotes, xaxados, baiões, maracatus e outros ritmos ligados a esse contexto. Em sua marcante trajetória, já discotecou nas mais diversas casas de shows do país e do mundo dividindo o palco com importantes nomes da música nacional, como Elba Ramalho, Zé Ramalho, Geraldo Azevedo, Moraes Moreira, Seu Jorge, Zeca Pagodinho, Jorge Ben Jor, Lenine, entre outros. Atualmente, é DJ residente do Forró Fino, no Novo CCC, do Festival Rootstock Brasil. 


Amigos da Onça fechando a festança

E para encerrar a noite, o show do Amigos da Onça. Mais do que um bloco de carnaval, formado por um coletivo de 17 artistas e produtores e ao longo desses 12 anos de rua, se tornou um movimento artístico-cultural., O grupo com seu estilo cômico performático se apresenta não só como bloco, mas também no formato banda, trazendo em seu repertório, além de composições autorais, uma mistura de ritmos – que passa pelo pop, groove, salsa, rock, reggae, samba, funk, carimbó, maracatu, bumba-meu-boi, ijexá, baião , pagode baiano e pagodes dos anos 90.

 

SERVIÇO:

Evento: Arraiá da Fundição com Alceu Valença

Encerramento: Bloco Amigos da Onça

Nos intervalos: DJ Xeleléu

Sexta-feira: 14 de junho

Abertura dos portões: 20h

Local: Fundição Progresso

Endereço: Rua dos Arcos, 24, Lapa – Rio de Janeiro – RJ 

Classificação etária: 18 anos. Menores podem entrar acompanhados dos pais ou representante legal. 

INGRESSO SOLIDÁRIO: 50% de desconto sobre o valor da inteira em todos os setores para os clientes que levarem 1kg de alimento (exceto sal e açúcar) no acesso ao evento.