Jeunesse Arena recebe live de Marcelo D2, no projeto React Rio

0
193

Primeira casa do projeto React Rio na cidade, a Jeunesse Arena, na Barra da Tijuca, vai sediar duas grandes transmissões ao vivo nas próximas semanas. Administrada pela GL events, o espaço multiuso vem adaptando seu modelo de negócio para os tempos de Covid-19 e receberá diversos eventos com formato híbrido, como campeonatos de games, eventos corporativos, espetáculos e lives de artistas que estão abraçando o React, movimento comprometido com a preservação da indústria de eventos e a segurança de quem trabalha no setor. Marcelo D2 abre a agenda de transmissões ao vivo no dia 5 de junho, às 20h. Dia 13 de julho, é a vez do Planet Hemp.

Os artistas vão se apresentar sem plateia, com transmissão pelos seus canais no Youtube. O canal Multishow também transmitirá a live de Marcelo D2. A estrutura dos shows será montada na quadra, seguindo rigorosos protocolos do React e todas as recomendações dos órgãos competentes. Para apoiar a causa, o público poderá fazer doações por QR Code, que serão revertidas em cestas básicas e doadas a um staff importante, duramente impactado pelos desdobramentos da pandemia no setor: promotores e produtores de eventos, técnicos em iluminação e som, pessoal de montagem, limpeza, segurança e apoio.

O React nasceu em São Paulo e vem realizando eventos corporativos e produções publicitárias, além das transmissões ao vivo da cantora Luísa Sonza e das bandas Capital Inicial e Charlie Brown. Até agora, o movimento contribuiu para a distribuição de mais de 7,5 toneladas de alimentos a profissionais do setor e suas famílias, através de projetos sociais. Um dos idealizadores do React, o empresário Caio Bertti diz que essa plataforma veio para ficar e que as lives serão semelhantes às produções realizadas nos estúdios de cinema norte-americanos, durante a quarentena, com qualidade e estrutura.

“Escolhemos a Jeunesse Arena por todo o histórico de projetos nacionais realizados ali e pela capacidade de customização de eventos que o espaço oferece. Estamos trabalhando para ter a agenda cheia a partir agosto, pensando inclusive a transmitir eventos de games. Nosso empenho visa fortalecer toda uma cadeia e garantir trabalho seguro aos profissionais de live marketing, entretenimento e publicidade, enquanto ainda estivermos vivendo os efeitos da pandemia”, afirma.


Sobre a Jeunesse Arena

Construída para receber competições dos Jogos Panamericanos de 2007, a Jeunesse Arena se tornou uma referência de legado esportivo bem gerido no Brasil. Administrada desde o fim dos Jogos pela multinacional francesa GL events, um dos principais líderes do mercado de eventos no mundo, a primeira arena indoor do país é decisiva para atração e captação de eventos nacionais e internacionais para a cidade do Rio de Janeiro. Localizada no Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, a Jeunesse Arena é um espaço multiuso de padrão internacional, com operação versátil e moderna estrutura, com capacidade para receber eventos de todo porte.

 

Sobre o Projeto React

Criada como uma plataforma de trabalho com a ideologia de preservar a cadeia de eventos audiovisuais e seus funcionários, o projeto React surgiu em São Paulo, propondo uma reinvenção do setor e um novo conceito para mantê-lo ativo – de forma segura – durante a pandemia. É fruto de uma união de 14 empresas e dezenas de artistas e profissionais que vão se somando para elaborar projetos com protocolos de segurança, tecnologia e responsabilidade social.