“Lugar de Fala” promove reflexões e debates no mês do Orgulho LGBTQIAP+

0
241

O Instituto Yduqs promoverá, no próximo dia 26 de junho, a segunda edição do seminário presencial / online e gratuito “Lugar de Fala”. O encontro se propõe a combater o preconceito e contribuir com a conscientização sobre os direitos da comunidade, em diferentes painéis com a presença de especialistas convidados, que abordarão temáticas como: violência, manifestações, empregabilidade e empreendedorismo, direito e políticas públicas, além de celebrar o mês do orgulho LGBTQIAP+. Aberto ao público, o evento será realizado a partir das 9h30, na Avenida das Américas, 4.200, no campus da Estácio Tom Jobim (Barra da Tijuca). Não é necessária inscrição prévia para participar presencialmente. Quem desejar acompanhar de forma online, o seminário será transmitido (ao vivo) pelo canal do YouTube da Estácio, instituição de ensino parceira do evento.

“É de suma importância fomentar iniciativas que sejam dedicadas à inclusão da população LGBTQIAP+ e abordem essa temática. Eventos dessa natureza desempenham um papel fundamental na construção de uma sociedade mais igualitária, onde todas as pessoas são valorizadas, independentemente de sua orientação sexual, identidade de gênero ou expressão de gênero. O nosso objetivo é promover um espaço para discutir e celebrar a diversidade, contribuir para a conscientização, a educação e a promoção de direitos e igualdade para a comunidade LGBTQIAP+,” afirma Giowana Cambrone, consultora de diversidade da Yduqs”, afirma Giowana Cambrone, consultora de diversidade da Yduqs.

Segundo um estudo realizado pelo Projeto Internacional Trans Muder Monitoring, que monitora assassinatos de pessoas trans, entre 2008 e setembro de 2022, o Brasil registrou 1.741 mortes de pessoas trans, representando 37,5% do total de 4.639 mortes em todo o mundo. A América Latina e o Caribe são responsáveis por 68% dos casos notificados. De acordo com a Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra), o Brasil lidera o ranking mundial de violência contra pessoas trans, com 131 assassinatos em 2022. 

“A realização de ações em prol da desconstrução de preconceitos é fundamental para alcançarmos uma representatividade inclusiva da comunidade LGBTQIAP+ na sociedade. O Lugar de Fala possibilitará debates importantes para que possamos contribuir para a promoção de um ambiente com mais equidade, inclusão e respeito. Sabemos que é um caminho longo, por isso o Instituto YDUQS e a Estácio investem em iniciativas para acelerar esse movimento, para que o preconceito não tenha protagonismo em nossa sociedade”, comenta Cláudia Romano, Head de ESG da Yduqs e presidente do Instituto Yduqs.

 A realização do Lugar de Fala Mês do Orgulho LGBTQIAP+ está alinhada com o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) número 16 da ONU, que busca promover sociedades pacíficas e inclusivas, garantindo acesso à justiça e construções institucionais responsáveis. Para conferir a programação completa do evento clique na descrição disponível no canal do YouTube da Estácio. Participe dessa importante discussão e contribua para a construção de uma sociedade mais inclusiva e justa. 

 

Serviço:  

Evento – Lugar de Fala | Mês do Orgulho LGBTQIAP+

ENTRADA FRANCA E NÃO É NECESSÁRIO FAZER INSCRIÇÃO

Local – Estácio Tom Jobim (Barra da Tijuca) – Avenida das Américas, 4.200  

Data – 26 de junho – segunda-feira

Horário das 9h30 às 17h   Link para acompanhar online:   https://www.youtube.com/watch?v=GH1E219Zhrk

 

Confira programação abaixo:

 09h30 – Abertura Geral do Evento com Joice Portella (Gerente ESG) e Renata Vilela Mendonça  ( Diretora de Gente);

10

“Lugar de Fala” promove reflexões e debates no mês do Orgulho LGBTQIAP+ 

 

O Instituto Yduqs promoverá, no próximo dia 26 de junho, a segunda edição do seminário presencial / online e gratuito “Lugar de Fala”. O encontro se propõe a combater o preconceito e contribuir com a conscientização sobre os direitos da comunidade, em diferentes painéis com a presença de especialistas convidados, que abordarão temáticas como: violência, manifestações, empregabilidade e empreendedorismo, direito e políticas públicas, além de celebrar o mês do orgulho LGBTQIAP+. Aberto ao público, o evento será realizado a partir das 9h30, na Avenida das Américas, 4.200, no campus da Estácio Tom Jobim (Barra da Tijuca). Não é necessária inscrição prévia para participar presencialmente. Quem desejar acompanhar de forma online, o seminário será transmitido (ao vivo) pelo canal do YouTube da Estácio, instituição de ensino parceira do evento.

“É de suma importância fomentar iniciativas que sejam dedicadas à inclusão da população LGBTQIAP+ e abordem essa temática. Eventos dessa natureza desempenham um papel fundamental na construção de uma sociedade mais igualitária, onde todas as pessoas são valorizadas, independentemente de sua orientação sexual, identidade de gênero ou expressão de gênero. O nosso objetivo é promover um espaço para discutir e celebrar a diversidade, contribuir para a conscientização, a educação e a promoção de direitos e igualdade para a comunidade LGBTQIAP+,” afirma Giowana Cambrone, consultora de diversidade da Yduqs”, afirma Giowana Cambrone, consultora de diversidade da Yduqs.

Segundo um estudo realizado pelo Projeto Internacional Trans Muder Monitoring, que monitora assassinatos de pessoas trans, entre 2008 e setembro de 2022, o Brasil registrou 1.741 mortes de pessoas trans, representando 37,5% do total de 4.639 mortes em todo o mundo. A América Latina e o Caribe são responsáveis por 68% dos casos notificados. De acordo com a Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra), o Brasil lidera o ranking mundial de violência contra pessoas trans, com 131 assassinatos em 2022. 

“A realização de ações em prol da desconstrução de preconceitos é fundamental para alcançarmos uma representatividade inclusiva da comunidade LGBTQIAP+ na sociedade. O Lugar de Fala possibilitará debates importantes para que possamos contribuir para a promoção de um ambiente com mais equidade, inclusão e respeito. Sabemos que é um caminho longo, por isso o Instituto YDUQS e a Estácio investem em iniciativas para acelerar esse movimento, para que o preconceito não tenha protagonismo em nossa sociedade”, comenta Cláudia Romano, Head de ESG da Yduqs e presidente do Instituto Yduqs.

 A realização do Lugar de Fala Mês do Orgulho LGBTQIAP+ está alinhada com o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) número 16 da ONU, que busca promover sociedades pacíficas e inclusivas, garantindo acesso à justiça e construções institucionais responsáveis. Para conferir a programação completa do evento clique na descrição disponível no canal do YouTube da Estácio. Participe dessa importante discussão e contribua para a construção de uma sociedade mais inclusiva e justa. 

 

Serviço:  

Evento – Lugar de Fala | Mês do Orgulho LGBTQIAP+

ENTRADA FRANCA E NÃO É NECESSÁRIO FAZER INSCRIÇÃO

Local – Estácio Tom Jobim (Barra da Tijuca) – Avenida das Américas, 4.200  

Data – 26 de junho – segunda-feira

Horário das 9h30 às 17h   Link para acompanhar online:   https://www.youtube.com/watch?v=GH1E219Zhrk

 

Confira programação abaixo:

 09h30 – Abertura Geral do Evento com Joice Portella (Gerente ESG) e Renata Vilela Mendonça  ( Diretora de Gente);

10h – LGBTIfobia: origens e manifestações com Fabio Oliveira (Filósofo, professor da UFF), Giowana Cambrone (Consultora de Diversidade YDUQS) e Jaqueline Gomes de Jesus (Acadêmica, professor do IFRJ);

11h – Empregabilidade e empreendedorismo LGBTQIAP+ com Andreia Brasil (Estilista, empreendedora e idealizadora do projeto Capacitrans), Bárbara Aires (Digital Influencer), Camila Marins (Jornalista, idealizadora da Revista Brejeiras) e Felipe Cabral (Ator, diretor, dramaturgo) 12h – Exibição de um curta – Curta “Simples Assim” de Felipe Cabral;

14h – Direito e violência Contra pessoas LGBTQIAP+ com Bianca Figueira (Militar reformada, advogada, aluna egressa da Estácio), Claudio Nascimento (Filósofo e diretor do Grupo Arco-íris) e Michelle Seixas (Assistente social, ativista e militante);

15h – Políticas Públicas para Pessoas LGBTQIAP+ com Carlos Tufvesson (Estilista e Coordenador de Diversidade Sexual do município do Rio de Janeiro), Ernane Alexandre Pereira (Superintendente de Políticas Públicas do Estado do Rio de Janeiro), Dani Balbi (Acadêmica, professora e 1ª Deputada Estadual trans eleita pelo Rio de Janeiro) e Thainá de Paula (Arquiteta e Secretaria de Turismo do Município do Rio).

16h – Master Class Vitor Martins (Linkedin Top Voices | Especialista em D&I |Líder D&I Swap).

h – LGBTIfobia: origens e manifestações com Fabio Oliveira (Filósofo, professor da UFF), Giowana Cambrone (Consultora de Diversidade YDUQS) e Jaqueline Gomes de Jesus (Acadêmica, professor do IFRJ);

11h – Empregabilidade e empreendedorismo LGBTQIAP+ com Andreia Brasil (Estilista, empreendedora e idealizadora do projeto Capacitrans), Bárbara Aires (Digital Influencer), Camila Marins (Jornalista, idealizadora da Revista Brejeiras) e Felipe Cabral (Ator, diretor, dramaturgo) 12h – Exibição de um curta – Curta “Simples Assim” de Felipe Cabral;

14h – Direito e violência Contra pessoas LGBTQIAP+ com Bianca Figueira (Militar reformada, advogada, aluna egressa da Estácio), Claudio Nascimento (Filósofo e diretor do Grupo Arco-íris) e Michelle Seixas (Assistente social, ativista e militante);

15h – Políticas Públicas para Pessoas LGBTQIAP+ com Carlos Tufvesson (Estilista e Coordenador de Diversidade Sexual do município do Rio de Janeiro), Ernane Alexandre Pereira (Superintendente de Políticas Públicas do Estado do Rio de Janeiro), Dani Balbi (Acadêmica, professora e 1ª Deputada Estadual trans eleita pelo Rio de Janeiro) e Thainá de Paula (Arquiteta e Secretaria de Turismo do Município do Rio).

16h – Master Class Vitor Martins (Linkedin Top Voices | Especialista em D&I |Líder D&I Swap).