Projeto Mulheres Plurais – Dona Onete e Alcione se apresentam na Praça Mauá neste fim de semana

0
87

As cantoras Dona Onete e Alcione fazem shows gratuitos neste sábado e domingo (26 e 27/3), respectivamente, na Praça Mauá, Centro do Rio, às 18h. As artistas estão entre as atrações do projeto Mulheres Plurais, do Sesc RJ, com programação concentrada em março – o Mês da Mulher –, mas atividades previstas para todo o ano nas unidades do Sesc no estado. O objetivo é provocar a reflexão sobre as diversas expressões que tangem o feminino e combater preconceitos, desigualdades e discriminação. 

Os shows das artistas encerram a programação diária, que começa às 10h e se estende ao longo do sábado e do domingo, com rodas de conversa, saraus, feira de economia criativa, feira literária, contação de história, oficinas, exposições e atividades recreativas para crianças e adultos. A programação é 100% gratuita, com algumas atividades exigindo inscrições prévias (informações em www.sescrio.org.br). 

Antecedendo aos shows principais, a DJ Verônica Orkidia, pesquisadora musical com envolvimento com os ritmos afro da cultura popular, apresenta, a partir das 15h, sets com gêneros que transitam por África, Cuba e Américas. Entre eles, afrobeats, sambas, coco, maracatu, kuduro, hip hop, R&B, soul, funk, reggae e, principalmente, a MPB (Música Preta Brasileira).

 

Musica paraense para o mundo

A diva do carimbó, como Dona Onete é conhecida, apresentará na Praça Mauá seus principais sucessos, responsáveis por levar a música paraense para o Brasil e para o mundo. A artista já subiu aos palcos dos mais importantes festivais internacionais, como o Rudolstadt Festival (Alemanha), Zwarte Cross (Holanda), WorldWide Festival (França), Roskilde (Dinamarca), Mimo (Portugal), WomAdelaide (Austrália), além do Rock in Rio (Brasil). 

Na setlist do show estão hits como “Banzeiro”, que alcançou em 2017 o 1º lugar do World Music Charts Europe Top 20, ranking elaborado por DJ europeus para as melhores músicas lançadas no mundo; e “No Meio do Pitiú”, canção eleita a melhor do ano na lista top 20 do super DJ Gilles Peterson, da BBC de Londres e da Worldwide FM. O clipe da música já obteve mais de 20 milhões de visualizações no Youtube.

 

Novidades e clássicos da Marrom

Alcione apresenta o show “Tijolo por tijolo”, do seu 42º álbum, lançado logo após o início da pandemia e depois de quase sete anos sem gravar um CD com canções inéditas. No repertório do show, as novidades se misturam aos clássicos que marcaram sua trajetória, como “Sufoco”, “Gostoso Veneno”, “Estranha Loucura”, “A Loba”, “Você Me Vira a Cabeça”, “Meu Ébano” e “Não Deixe o Samba Morrer”. A direção musical é de Alexandre Menezes, e a geral de Solange Nazareth. 

O show pelo projeto Mulheres Plurais também celebra os 50 anos de carreira da artista maranhense. Nesse meio século, Marrom acumula a marca de 12 milhões de discos vendidos e mais de 350 prêmios conquistados, entre nacionais e internacionais, como o Grammy Latino; honrarias, títulos e comendas. Também faz questão de utilizar as novas mídias para se aproximar do público: tem mais de 1 milhão de seguidores no Instagram, mais de 732 mil curtidas no Facebook e mais de 127 mil no Twitter.

 

PROGRAMAÇÃO

Mulheres Plurais – Rio de Janeiro

Dias 26 e 27 de março de 2022 – Praça Mauá – Centro do Rio de Janeiro

10h às 20h

Gratuito

Livre

Informações e inscrições nas rodas de conversa: www.sescrio.org.br

 

Show DJ Verônica Orkídia

26 e 27/03 | 15h

 

Show Dona Onete

26/03 | 18h

Show Alcione

27/03 | 18h

 

Intervenção poética “Nós somos poesia”

26/03 | 10h | Itinerante

Sinopse: As poetas Sabrina Azevedo, Lisa Castro e Thalylua ocuparão através das palavras a Praça Mauá, espaço afetivo-simbólico, expressando suas vivências e sensações num movimento de constante construção e (re)construção das pluralidades das mulheres que foram, são e estão se tornando.

 

Intervenção poética “Nós somos poesia”

27/03 | 16h | Itinerante

As poetas Gleyser, Rainha do Verso e Josi de Paula ocuparão através das palavras a Praça Mauá, espaço afetivo-simbólico, expressando suas vivências e sensações num movimento de constante construção e (re) construção das pluralidades das mulheres que foram, são e estão se tornando.

 

Sarau literário

Sarau Comuna Deusa com Slam das Minas RJ

26/03 | 15h | Kombi (próxima ao BiblioSesc)

Sinopse: Slam das Minas ocuparão a Praça Mauá com o Sarau Comuna Deusa! O sarau leva o nome da kombi poética do Slam das Minas RJ que ocupa as ruas da cidade com intervenções poéticas itinerantes. Estarão presentes também poetas convidadas e uma DJ.

Sarau literário

Intervenção poética com Valentine

26/03 | 18h | Kombi (próxima ao BiblioSesc)

Sinopse: Poeta e slammer Valen fará uma intervenção em que abordará, pela poesia falada, as conquistas, lutas, dores e alegrias do que é ser mulher.

 

Sarau literário

Intervenção poética “Abertura da Mesa” com Josi de Paula

27/03 | 16h20 | Kombi (próxima ao BiblioSesc)

Sinopse: Poeta e slammer Josi de Paula compõe o coro de mulheres poetas na Edição 2022 do Projeto Mulheres Plurais e ocupará Museu de Arte do Rio através das palavras, expressando suas vivências e sensações num movimento de constante construção e (re) construção das pluralidades da mulher que foi, é e está se tornando.

 

Sarau literário

Intervenção poética com Andrea Bak

27/03 | 18h | Kombi (próxima ao BiblioSesc)

Sinopse: Poeta, cantora e estudante de Química, Andréa Bak fará uma intervenção com a finalidade de ressaltar as mulheres que possuem histórias inspiradoras e que lutam no seu dia a dia pela garantia de direitos e contra a desigualdade social e de gênero.

 

Contação de histórias: “Histórias do fundo do baú” com Thaiane Leal

26/03 | 11h | Espaço Infantil

Sinopse: Contam que no começo dos tempos, todas as histórias estavam guardadas dentro de um baú, e foi Anansi, a corajosa criatura, metade aranha e metade humana, que as espalhou pelo mundo. É com este conto de tradição oral africana que abrimos nosso baú e vamos, palavra por palavra, tecendo a maravilhosa teia de histórias. De dentro do baú saem outras narrativas
populares que contam os mistérios do mundo e um pouco sobre nós mesmos. Do baú saem: “Okipija”, um conto da Nigéria sobre a mulher mais bonita do mundo; “Matinta Perera”, uma lenda amazônica; “A onça e o bode”, conto do folclore brasileiro. As histórias são entoadas ao som da rabeca com ritmos e cantigas populares. Objetos e bonecos também dão formas e contornos aos contos, entrelaçando a linguagem narrativa, cênica e sonora.

Contação de histórias: “Entre contos africanos” com Juliana Correia

26/03 | 14h | Espaço Infantil

Sinopse: Trabalho que alia arte, memória e educação a partir de contos da tradição oral africana e afrodiaspórica. O repertório é composto por livres adaptações de contos da tradição oral de diferentes grupos étnicos do continente Mãe. Trata-se de um passeio lúdico por memórias e saberes ancestrais negro-africanos muito presentes aqui na diáspora também.

Contação de histórias: “O desdobrar das histórias” com Pamela Cristina

27/03 | 11h | Espaço Infantil

Sinopse: A Contadora de Histórias e Origamista Pamela Cristina pretende, por meio por meio da tradição oral dos contos de matriz africana, bem como das biografias das personalidades negras, proporcionar o convívio e o encontro entre pessoas que desejam compartilhar histórias.

 

Contação de histórias com Lucia Morais Tucuju e as Lendas Amazônicas

27/03 | 14h | Espaço Infantil

Sinopse: A ideia principal desta contação de histórias, baseada nas lendas amazônicas, interpretada pela atriz Lucia Morais é transpor o público, através de um passeio poético, para as lendas amazônicas, a um Brasil ancestral que traz na narrativa oral o veículo de perpetuação da cultura, em que a própria atriz se inspirou na infância ribeirinha, no interior de Macapá, onde ouvia histórias contadas por sua avó na beira do rio quando era criança.

 

Contação de histórias: “Abertura da Mesa” com Dircéa Damasceno

27/03 | 14h50 | Espaço Infantil

 

Feira de Economia Criativa e Feira Literária

26/03 | 11h às 20h

27/03 | 10h às 20h

Sinopse: Artesanato, moda, decoração, gastronomia internacional e serviços. Mais de 50 expositores estarão presentes, entre eles a Nia Livraria, Macabéa Edições, Garupa Edições, além das quadrinistas e ilustradoras convidadas pelo Coletivo Capa Comics e as escritoras Lucia Morais e Arlene Costa, vendendo suas obras e de tantas outras poetas e escritoras desse Brasil.

 

Exposições:

Mulheres Plurais

A Mulher que eu quero ser

Percursos e Ancestralidade

Percursos e Ancestralidade

Saúde Bucal da Mulher

Mulheres na Ciência

Mulheres na Astronomia

Combate à Violência Contra a Mulher

26/03 | 11h às 20h

27/03 | 10h às 20h

 

Oficinas:

Ancestralidade ginecologia natural

Arte manuais

Autocuidado com produtos

Autocuidado com produtos naturais – óleos essências

Bonecas com questionamentos sobre gênero

Ciclos e mandala lunar

Customização de roupas com stencil – tema empoderamento feminino

Ervas medicinais

Massagem relaxante

Narrativas femininas

Pobreza menstrual

Produtos de beleza em barra

Robôs das mulheres engenheiras

Tranças

26/03 | 11h às 20h

27/03 | 10h às 20h

 

Atividades recreativas e culturais para crianças

Alongamento mamãe bebê

Atividades recreativas para crianças

Campanha sobre os 5 sentidos

Contação de histórias

Oficina de dedoche com Mitat Marques

Oficina pintando com gelo

26/03 | 11h às 20h

27/03 | 10h às 20h

 

Atividades recreativas para adultos:

Apresentação esportivas de mulheres

Aula aberta de Danças

Aula Defesa Pessoal

Caminhada Histórica – da Praça XV à Praça Mauá

26/03 | 11h às 20h

27/03 | 10h às 20h

 

Apresentações artísticas

Esquete contra o Body Shaming

Esquete: fases da mulher

Esquete: maternidades na real

Eu, Mulher no trabalho

Flash Mob

Intervenção Artística itinerante de Libras com palavras relacionadas ao universo feminino

Intervenção Literária

Intervenção Poética “Correio para Mulheres”

Performance: Quem sou eu, quem é você: você conhece a nossa história

26/03 | 11h às 20h

27/03 | 10h às 20h

 

BiblioSesc

Unidade Móvel com atividades de leitura e apresentação da Rede de Bibliotecas do Sesc

26/03 | 11h às 20h

27/03 | 10h às 20h

 

PROGRAMAÇÃO NO MUSEU DE ARTE DO RIO COM INSCRIÇÕES PRÉVIAS

Roda de Conversa: Etarismo e Gênero

26/03 | 11h | MAR – Museu de Arte do Rio

Participações:

Sandra Rabello: Gerontóloga especialista pela SBGG

Mediação: Raphaella Neves, Renata Alexandre

Número de vagas: 30 vagas

Link para as inscrições: https://sescmais.sescrio.org.br/menu/

 

Roda de Conversa: Ancestralidade e Percursos

26/03 | 15h | MAR – Museu de Arte do Rio

Participações:

Zezé Mota, Léa Garcia, Aira Nascimento e Elisa Lucinda

Mediação: Fernanda Batista e Luiza Matheus

Número de vagas: 30 vagas

Link para as inscrições: https://sescmais.sescrio.org.br/menu/

 

Roda de Conversa: Saúde Mulher – violência obstétrica

27/03 | 11h | MAR – Museu de Arte do Rio

Participações:

Erica Mendonça

Mediação: Marilene Souza

Número de vagas: 30 vagas

Link para as inscrições: https://sescmais.sescrio.org.br/menu/

 

Roda de Conversa: Mulheres e o Poder

27/03 | 15h | MAR – Museu de Arte do Rio

Participações:

Priscila Barbosa, Gabriela Anastácia e Ilvi Marivic 

Mediação: Carolina Miranda e Luzia

Número de vagas: 30 vagas

Link para as inscrições: https://sescmais.sescrio.org.br/menu/

 

Roda de Conversa: Literatura – Palavra é Semente: infâncias e ancestralidade

27/03 | 16h30 | MAR – Museu de Arte do Rio

Participações: Elaine Cristina Marcelina, Lucia Morais e Talita Peixoto.

Número de vagas: 30 vagas

Link para as inscrições: https://sescmais.sescrio.org.br/menu/

Sinopse: Bate-papo com a professora, pesquisadora, historiadora e escritora afro-carioca Elaine Marcelina e com a atriz, professora, arte-educadora, contadora de histórias e escritora amapaense, Lucia Morais, que tem origem indígena. A conversa será mediada por Talita Peixoto, criadora do Clubinho Preto, um clube de assinatura pensado especialmente para crianças receberem conteúdo educativo e cultural com curadoria afrocentrada e contra o racismo.