Pesquisa da Fecomércio RJ mostra que 51,5% dos trabalhadores cariocas pretendem gastar o 13º salário

0
284

Sondagem do Instituto Fecomércio de Pesquisas e Análises (IFec RJ), feita nos dias 01 e 02 de dezembro, com 629 trabalhadores da capital fluminense, mostra que 68,8% dos entrevistados recebem 13º salário, e que 51,5% deles pretendem gastá-lo, enquanto 47,3% vão quitar dívidas contraídas durante o ano e 24,7% afirmaram que vão poupar. 19,9% disseram que irão dar mais de um destino para o 13º salário. 

De acordo com a pesquisa, entre os trabalhadores que pretendem quitar ou abater as dívidas (47,3%), 71,7% pretendem liquidar suas dívidas com o cartão de crédito, enquanto 9,3% usarão os recursos no abatimento ou quitação de financiamentos. Já 3,4% informaram que vão usar o benefício para pagar o cheque especial. 2,9% dos consumidores vão utilizar o 13º salário para quitar empréstimos pessoais, com exceção do cheque especial, e 2,0%, os carnês. 10,7% citaram outras dívidas a serem quitadas.

  

Sobre a Fecomércio RJ

Reúne 59 sindicatos patronais, líderes empresariais, especialistas e consultores com o objetivo de fomentar o desenvolvimento dos negócios no setor do comércio de bens, serviços e turismo no estado do Rio de Janeiro. Desenvolve soluções, pesquisas e disponibiliza conteúdo sobre questões que impactam a vida do empreendedor e colaboram nas decisões dos gestores públicos. Representa mais de 321 mil estabelecimentos, que respondem por 2/3 da atividade econômica do estado e 68% dos estabelecimentos fluminenses, gerando mais de 1,5 milhão de empregos formais, que equivalem a 60% dos postos de trabalho com carteira assinada no estado. Através do Serviço Social do Comércio (Sesc RJ) atua em assistência social, cultura, educação, lazer e saúde aos comerciários e população carente, enquanto o Serviço Nacional de Aprendizagem Comércio (Senac RJ) promove educação profissional voltada para o setor.