Carnaval de rua: inscrições de blocos para 2024 serão abertas até o fim de maio

0
316

A inscrição de blocos de rua para o carnaval de 2024 deverá ser antecipada, atendendo a uma solicitação dos organizadores da festa de rua, que reclamaram dos prazos apertados dos últimos anos. Segundo a RioTur, o sistema para cadastro será aberto até o final do mês de maio. A informação foi divulgada na primeira reunião do Grupo de Trabalho criado pela Câmara do Rio para debater a criação de um Marco Civil do Carnaval de Rua, que reúne os diferentes órgãos envolvidos com a festa, realizada na última terça-feira (11/04).

Presidente da Câmara, o vereador Carlo Caiado (PSD) lembrou que esta era uma das demandas apresentadas pelas ligas de blocos de rua junto à Câmara do RIo. “Foi importante nesta reunião a informação de que a partir de maio já se abre o credenciamento dos blocos. Já está bem antecipado, para que não ocorram problemas que aconteceram no carnaval deste ano, que ficou muito em cima da hora para que os blocos pudessem apresentar seus documentos”, afirmou.

O Presidente da RioTur, Ronnie Aguiar, destacou o papel da Câmara no debate sobre ajustes no carnaval, ouvindo todos os órgãos e organizadores dos blocos. “A Câmara é fundamental nesse papel. A gente vai estar junto, à disposição, sempre para melhorar mais em vários tópicos que estão sendo levantados, como definição de lugares, a antecipação do processo, é uma discussão muito saudável”, afirmou.

Presidente da Comissão Especial de Carnaval, a vereadora Mônica Benício defendeu a importância da aprovação de um projeto que crie o chamado Marco Civil do carnaval de rua, estabelecendo regras fixas para a organização da festa, com prodecimentos que facilitem e desburocratizem o evento. “É um esforço de todos esses fazdedores de carnaval se unindo, para a gente chegar a um texto sobre o Marco do Carnaval e ter isso como uma política de Estado, que fique como um legado para a cidade” afirmou.

Na reunião estiveram presentes ainda o vereador Alexandre Beça (PSD), integrante da Comissão Especial de Carnaval, o secretário municipal de Ordem Pública, Brenno Carnevalle, e representantes do Corpo de Bombeiros, órgãos que também atuam na organização e emissão de autorizações para os blocos de rua da cidade.