Museu de Arte do Rio lança projeto de formação cultural e profissional para jovens

0
61

O Museu de Arte do Rio – MAR vai lançar nesta terça-feira (28/06), o projeto Percursos Formativos, programa desenvolvido pela Escola do Olhar, pólo educacional do museu, que visa formar e promover jovens da rede pública de ensino e de regiões periféricas do município do Rio de Janeiro na produção da arte e da cultura.

O programa Percursos Formativos acompanha os jovens selecionados em um percurso pelas áreas que estruturam o museu e suas competências, como: curadoria, museologia, educação, comunicação, produção cultural e administração. Isto ocorre em uma formação que valoriza a prática. O programa de formação também tem um módulo voltado para promover práticas artísticas contemporâneas, em que os percurseiros, como gostamos de chamá-los, entram em contato e diálogo com artistas atuais que trabalham com diversas linguagens, como a pintura, a colagem, o slam, entre outras, além de outros espaços de arte e cultura.

O projeto será destinado a 12 jovens com idade de 16 a 21 anos, moradores do bairro da Pavuna, localizado na Zona Norte do Rio de Janeiro, que sejam atualmente estudantes de escolas e institutos das redes públicas de ensino municipal, estadual e/ou federal do Rio de Janeiro, matriculados nos turnos da manhã ou da noite; ou ainda jovens com idade de 16 a 21 anos que já tenham concluído o ensino médio nos últimos dois anos em escolas das redes públicas de ensino municipal, estadual e federal do Rio de Janeiro. Será necessária a apresentação de histórico escolar oficial no momento do cadastro do participante selecionado.

O processo de formação cultural e prática profissional é composto por nove percursos formativos, no sentido literal de percorrer as diversas áreas e processos de um museu. Integrados por aulas, oficinas, palestras, visitas, mão-na-massa, e outras experiências; os percursos devem ser cursados integralmente pelos participantes ao longo da formação de 03 agosto a 30 de novembro de 2022, com atividades presenciais e remotas às quartas, quintas e sextas-feiras, das 14h às 18h, salvo em dias de feriado, casos em que a reposição de aula será combinada, totalizando 174 horas (cento e setenta e quatro horas) de atividades presenciais, com indicação de atividades complementares, como a participação em eventos promovidos pela Escola do Olhar nos formatos remoto e presencial. Serão selecionados até 12 jovens, do bairro da Pavuna, localizado na região da Zona Norte do Rio de Janeiro (ver público alvo abaixo), que receberão bolsas de estudo no valor de novecentos e trinta e cinco reais (R$ 935,00) por mês, a serem pagas ao final de cada mês, durante quatro (4) meses.

 

Museu de Arte do Rio 

Iniciativa da Prefeitura do Rio em parceria com a Fundação Roberto Marinho, o Museu de Arte do Rio passou a ser gerido pela Organização dos Estados Ibero-americanos (OEI) desde janeiro deste ano, apoiando as programações expositivas e educativas do MAR a partir de um conjunto amplo de atividades para os próximos anos. A OEI é um organismo internacional de cooperação que tem na cultura, na educação e na ciência os seus mandatos institucionais, desde sua fundação em 1949. 

O Museu de Arte do Rio, para a OEI, representa um instrumento de fortalecimento do acesso à cultura, intimamente relacionado com o território, além de contribuir para a formação nas artes, tendo no Rio de Janeiro, por meio da sua história e suas expressões, a matéria-prima para o nosso trabalho”, comenta Raphael Callou, diretor e chefe da representação da OEI no Brasil.

Após o início das atividades em 2021, a OEI e o Instituto Odeon celebraram parceria com o intuito de fortalecer as ações desenvolvidas no museu, conjugando esforços e revigorando o impacto cultural e educativo do MAR, onde o Odeon passa a auxiliar na correalização da programação. 

O Museu de Arte do Rio tem o Instituto Cultural Vale como mantenedor, a Equinor como patrocinadora master  e o Grupo Renner como apoiador, todos por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. A Escola do Olhar conta com o patrocínio da Wilson Sons e Machado Meyer Advogados via Lei Federal de Incentivo à Cultura. Por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura – Lei do ISS, é também patrocinada pelo RIOgaleão e Icatu e tem a Cultura Inglesa como apoiadora Educacional. O Instituto Olga Kos patrocina os recursos de acessibilidade do MAR. 

Por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, a BAT Brasil (ex-Souza Cruz) é patrocinadora do MAR de Música. O projeto conta com o apoio da Beck’s. 

O MAR conta ainda com o apoio do Governo do Estado do Rio de Janeiro e realização da Secretaria Especial de Cultura, Ministério do Turismo e do Governo Federal do Brasil, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

 

Serviço:


FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO:

https://docs.google.com/forms/d/1j4IVMnA_K0_KW1LUXtIgj5Ek7O6Xzpr1i61K1KDWce8/edit

 

EDITAL:

https://docs.google.com/document/d/1OWLvYoNBROwyTtIXAitxXaiatjh4ohz4/edit

 

 

Lançamento do edital online: 28 de junho de 2022 

Inscrições online: 28 de junho a 17 de julho de 2022 

Pré-Seleção dos candidatos a entrevista: 18 e 19 de julho 

Resultado dos pré-selecionados para  Entrevistas – 20 de julho 

Entrevista Virtual:  21 e 22 de julho 

Resultado seleção final: 23 de julho 

Aulas: 03 agosto a 30 de novembro de 2022