CET-Rio apresenta esquema de trânsito para Desfile das Campeãs no Sambódromo

0
313

A CET-Rio implantará esquema especial de trânsito no Centro da cidade e em todos os acessos para a Marquês de Sapucaí, a partir desta sexta-feira (16/2), para o Desfile das Campeãs. Haverá a participação de 250 profissionais, entre agentes da CET-Rio e apoiadores de tráfego, que trabalharão a favor da segurança viária, orientação de motoristas e pedestres, fluidez do trânsito e coibição do estacionamento irregular na região. Além disso, serão disponibilizados nove reboques para desobstrução de vias, 45 motocicletas e 20 veículos operacionais.

No reforço das orientações aos motoristas e pedestres também serão utilizados 36 painéis de mensagens variáveis entre fixos e móveis, que informarão sobre os horários dos diversos fechamentos e sobre as condições do tráfego. E, diretamente do Centro de Operações Rio (COR), técnicos da CET-Rio irão monitorar integralmente a movimentação do trânsito por meio das câmeras para que, se necessário, sejam feitos ajustes na programação semafórica a fim de garantir as boas condições viárias.

 

Deslocamento dos carros alegóricos

O deslocamento dos carros alegóricos, da Cidade do Samba à Avenida Presidente Vargas, está previsto para começar às 22h desta sexta-feira (16/2) indo até a madrugada de sábado (17/2). E a operação de trânsito terá início às 17h, com a interdição da Rua Rivadávia Corrêa, entre a Rua da Gamboa e a Avenida Binário do Porto.

 

– Às 17h

Rua Rivadávia Corrêa, entre a Rua da Gamboa e a Avenida Binário do Porto.

 

– Às 22h

– Avenida Binário do Porto, ambas as pistas, entre a Avenida Professor Pereira Reis e a Avenida Venezuela;

– Avenida Venezuela;

– Praça Mauá;

– Avenida Rio Branco, entre a Praça Mauá e a Avenida Presidente Vargas;

– Túnel Rio 450;

– Via B4;

– Avenida Rodrigues Alves, via lateral no sentido Centro, junto as edificações e em toda a extensão;

– Alça de descida do Viaduto do Gasômetro para a Avenida Binário do Porto;

– Rua Acre;

– Rua Mayrink Veiga.

 

A partir da meia-noite de sábado (17/2)

Para o posicionamento dos carros alegóricos, as pistas centrais da Avenida Presidente Vargas serão interditadas nos sentidos Candelária e Praça da Bandeira. Para a preparação do Desfile das Campeãs, no entorno do Sambódromo, também serão fechadas a Rua Benedito Hipólito, Rua Presidente Barroso, Rua Júlio do Carmo e a Travessa Pedregais.

 

Às 14h

Bloqueio dos principais acessos à Avenida Presidente Vargas, pela Avenida Francisco Bicalho, Viaduto Freyssinet e Praça da Bandeira. Também, a partir das 14h, será ativado o desvio do fluxo da Avenida Paulo de Frontin para a Rua Aristides Lobo, assim como ampliada a área de interdição no entorno do Sambódromo, de acordo com a restrição do fluxo pela Avenida Salvador de Sá, pela Rua Hélio Beltrão, Rua de Santana, Rua Marquês de Pombal e em diversas outras vias da Cidade Nova.

Às 19h será a última etapa de interdições, com a restrição ao tráfego de veículos na Rua Frei Caneca, Viaduto Trinta e Um de Março, sentido Laranjeiras, vias do Catumbi e vias próximas a Praça da República.

É previsto que todos os bloqueios permaneçam até o meio-dia de domingo, após os desfiles e a limpeza das vias, o tráfego de veículos retorna às condições normais.

O estacionamento da Avenida Presidente Vargas para o comércio da Saara não irá funcionar durante as intervenções do trânsito ao desfile das Campeãs no Sambódromo.

 

Alternativas de circulação no período do carnaval

– Os veículos vindos da Avenida Francisco Bicalho, sentido Centro, deverão seguir pela Avenida Paulo de Frontin, Praça Condessa Paulo de Frontin, Rua Estrela e Rua Itapiru até o acesso ao Túnel Martim de Sá.

– Os veículos vindos da Praça da Bandeira, sentido Centro, deverão acessar a Rua do Matoso, Rua Haddock Lobo, Avenida Paulo de Frontin, Rua Estrela, Rua Itapiru e, sob a saída do Túnel Santa Bárbara, seguir pelo Túnel Martim de Sá até a Rua Riachuelo.

– Os veículos vindos da Avenida Brasil e da Ponte Rio-Niterói, com destino ao Centro e Zona Sul, deverão utilizar o Túnel Marcello Alencar, exceto durante as madrugadas quando houver deslocamento dos carros alegóricos.

– Os veículos vindos da Praça da Bandeira, sentido Centro ou Botafogo, pelo Túnel Santa Bárbara, deverão seguir a Rua do Matoso, Rua Haddock Lobo, Avenida Paulo de Frontin, Praça Condessa Paulo de Frontin, Rua Estrela, Rua Itapiru, Rua Dr. Agra e Túnel Martim de Sá, para o Centro. Para Botafogo, deverá seguir o mesmo trajeto até a Rua Dr. Agra e pegar o retorno para acesso ao Túnel Santa Bárbara.

É recomendado o uso do transporte público coletivo, de preferência trem ou metrô, nos acessos ao Centro e ao Sambódromo, devido ao grande número de interdições de vias neste período para a realização do desfile das campeãs, quanto em decorrência do deslocamento dos carros alegóricos.

Proibição do estacionamento

Para a circulação dos carros alegóricos e pedestres, além dos locais onde já existe regulamentação de proibição, o estacionamento no entorno do Sambódromo estará proibido, da seguinte forma:

– A partir das 6h de sábado (17/2) até o meio-dia de domingo (18/2), nas vias que contêm os bloqueios e nas principais ruas e avenidas da região central:

– Rua Santa Alexandrina, entre Praça Santa Alexandrina e a Rua Estrela, em ambos os lados da via;

– Praça Condessa Paulo de Frontin, em todas as extremidades;

– Rua Aristides Lobo, entre a Praça Condessa Paulo Frontin e a Rua Campos da Paz, em ambos os lados da via;

– Rua Aristides Lobo, entre a Rua Campos da Paz e a Rua Ambiré Cavalcanti, em ambos os lados da via;

– Rua Estrela, entre a Avenida Paulo de Frontin e a Rua Santa Alexandrina, no lado direito da via;

– Rua Estrela, entre a Rua Santa Alexandrina e a Rua Barão de Petrópolis, no lado esquerdo da via;

– Praça de Santo Cristo;

– Rua Equador, entre a alça de descida do viaduto de descida do Gasômetro até a Avenida Professor Pereira Reis, em ambos os lados da via;

– Rua Camerino;

– Avenida Passos;

– Avenida República do Paraguai;

– Rua Teixeira de Freitas;

– Rua Rivadávia Correia, junto a Cidade do Samba e em ambos os lados da via;

– Avenida Oscar Niemeyer e Rua Arlindo Rodrigues (vias componentes da antiga Avenida Binário do Porto), entre a Rua da Gamboa e a Rua Antônio Lage, em ambos os lados da via;

– Avenida Venezuela;

– Avenida Presidente Vargas, entre a Avenida Rio Branco e a ponte de retorno próximo a Cidade Nova, em todas as pistas e ambos os lados da via;

– Avenida Rio Branco, entre a Avenida Presidente Vargas e a Praça Mauá, em ambos os lados da via;

– Rua Frei Caneca, entre a Rua Marquês de Sapucaí e a Avenida Salvador de Sá, em ambos os lados da via;

– Avenida Salvador de Sá, entre a Rua Marquês de Sapucaí e a Rua Frei Caneca, em ambos os lados da via;

– Rua Estácio de Sá, entre a Rua Néri Pinheiro e a Rua Hélio Beltrão, em ambos os lados da via;

– Rua Hélio Beltrão, entre a Rua Estácio de Sá e a Rua Ulisses Guimarães, em ambos os lados da via;

– Rua Ulisses Guimarães, entre a Rua Néri Pinheiro e a Rua Dom Marcos Barbosa, em ambos os lados da via;

– Rua Pinto de Azevedo, entre a Rua Ulisses Guimarães e a Rua Afonso Cavalcanti, em ambos os lados da via;

– Rua Visconde de Duprat, entre a Rua Ulisses Guimarães e a Rua Afonso Cavalcanti, em ambos os lados da via;

– Rua Afonso Cavalcanti, entre a Rua Visconde de Duprat e a Rua Carmo Neto, em ambos os lados da via;

– Rua Júlio do Carmo, entre a Rua Pinto de Azevedo e a Rua Laura de Araújo, em ambos os lados da via;

– Rua Amoroso Lima, entre a Rua Júlio do Carmo e a Avenida Presidente Vargas;

– Rua Néri Pinheiro;

– Rua Correa Vasques;

– Rua Santa Maria;

– Rua São Martinho;

– Rua Laura de Araújo, entre a Avenida Salvador de Sá e a Rua Júlio do Carmo, no lado esquerdo da via;

– Rua Carmo Neto;

– Rua Heitor Carrilho;

– Rua Viscondessa de Pirassununga, entre a Rua Frei Caneca e a Avenida Salvador de Sá, em ambos os lados;

– Via interna do Condomínio Zé Keti, lado direito da via;

– Rua Presidente Barroso, entre a Avenida Salvador de Sá e a Rua Júlio do Carmo, em ambos os lados da via;

– Rua Comandante Maurity;

– Rua Benedito Hipólito;

– Praça Reverendo Álvaro Reis, em todas as extremidades;

– Travessa Pedregais;

– Travessa Onze de Maio, entre a Rua Tomáz Rabelo e a Avenida Salvador de Sá, em ambos os lados da via;

– Rua Frederico Silva;

– Rua do Catumbi, entre Largo do Catumbi e Rua Frei Caneca, em ambos os lados da via;

– Rua Estácio de Sá, entre a Rua Hélio Beltrão e a Rua Haddock Lobo, em ambos os sentidos e nos dois lados da via, exceto na área destinada aos táxis regulamentados;

– Rua Joaquim Palhares, toda a extensão, em ambos os sentidos e nos dois lados da via, exceto na área destinada aos táxis;

– Rua do Matoso, entre a Rua Teixeira Soares e a Rua Haddock Lobo, em ambos os lados da via;

– Rua Paula Matos, entre a Rua José de Alencar e Rua Frei Caneca, em ambos os lados da via, exceto na área destinada aos táxis regulamentados;

– Rua José de Alencar, no trecho sobre o Túnel Martim de Sá e a Rua Paula Matos, em ambos os lados da via;

– Rua Haddock Lobo, entre a Rua do Matoso e a Rua Estácio de Sá, em ambos os lados da via;

– Rua Vinte de Abril;

– Rua Carlos Sampaio, entre a Praça da Cruz Vermelha e a Rua do Senado, em ambos os lados da via;

– Praça da República, entre a Rua Visconde do Rio Branco e a Avenida Presidente Vargas;

– Rua Visconde da Gávea;

– Avenida Paulo de Frontin.

Atenção! Reboques baseados em pontos estratégicos e, circulando na área de abrangência, atuarão no evento com a finalidade de reprimir o estacionamento irregular e garantir a fluidez do tráfego. Os veículos estacionados irregularmente serão removidos para os depósitos públicos municipais.

 

Como chegar ao Sambódromo

É recomendada a utilização de transporte coletivo regulamentado:

– Metrô: O público destinado ao setor par deverá utilizar a estação Praça Onze e, aqueles destinados ao setor ímpar, a estação Central do Brasil.

– Trem: Deverão utilizar a estação Central do Brasil.

– Ônibus de linhas regulares: Mais de 50 linhas passam pela área do evento, vindo de diversas regiões da cidade.

 

Recomendações importantes

– É muito importante que sejam respeitadas, por todos, as ordens dos agentes de trânsito e também toda a sinalização implantada na área.

– Para a segurança de todos, os pedestres só devem fazer a travessia das vias nos locais sinalizados, observando sempre as orientações dos agentes de trânsito;

– Fique atento quanto às sinalizações aos locais de proibição de estacionamento, pois haverá reboques circulando pela região;

– Use preferencialmente o transporte público, trem ou metrô, já que esses modos de transporte são de alta capacidade e não são diretamente impactados por fechamentos viários.

– Para aqueles que possuem compromissos com horários marcados, como voos no Aeroporto Santos Dumont ou Galeão, viagens na Rodoviária Novo Rio ou embarques no Píer Mauá, a sugestão é a antecipação do deslocamento.

 

Moradores do entorno

O acesso de veículos de moradores do entorno da região interditada do Sambódromo deverá ser feito pelo Largo do Estácio, tendo em mãos, sempre, comprovante de residência (conta de luz, gás, telefone) contendo o nome do condutor.