Governador Cláudio Castro apresenta o programa Cidade Integrada no Palácio Guanabara

0
91

O governador Cláudio Castro apresentou, no sábado (22/01), o programa Cidade Integrada. A iniciativa vai levar ações sociais, desenvolvimento econômico, infraestrutura e segurança para comunidades do Rio de Janeiro. As primeiras regiões beneficiadas são Jacarezinho, na Zona Norte, e Muzema, na Zona Oeste, que já receberão projetos a partir da próxima segunda-feira (24/01). No total, serão investidos cerca de R$ 500 milhões nas duas regiões.

– Estamos dando um passo importante para um novo tempo, de reformulação da política de segurança. Mas a principal missão do Cidade Integrada é levar ações para as comunidades. Esse não é um programa de pacificação, é de retomada do território e de entrega para o povo dessas comunidades. O diálogo com os moradores das regiões vai nortear todo o nosso planejamento – ressaltou o governador.

Para a escolha do Jacarezinho e da Muzema, o Governo do Estado levou em consideração critérios como o índice de criminalidade e o número de habitantes, cerca de 40 mil. Também está no planejamento atender comunidades em diferentes regiões da cidade e com IDHs diferentes.

Quase 40 secretarias e órgãos estaduais irão implantar e coordenar projetos nas comunidades, como ações voltadas para mulheres, idosos e jovens; construção e reforma de equipamentos públicos; melhorias habitacionais e de infraestrutura; saneamento; saúde; educação, além de fóruns e grupos de trabalho para discutir a implementação das demandas da população.

– Todos têm o direito de viver com dignidade, de ter oportunidades e segurança pública e é isso que o Cidade Integrada está levando a essas comunidades. Nosso foco são os mais vulneráveis, os idosos, os jovens e as mulheres. Estamos implantando ações transformadoras. Todo o governo está mobilizado. Ontem, visitei alguns dos espaços que receberão os projetos. Ao longo da próxima semana, vamos focar, em parceria com a Prefeitura do Rio, para solucionar problemas como o lixo, por exemplo – destacou Cláudio Castro.

 

Principais projetos

Ao lado do Jacarezinho, em uma área de 44 mil metros quadrados onde funcionava a fábrica da General Eletric, serão construídos um mercado produtor, uma unidade de saúde e um batalhão da Polícia Militar. Já na segunda-feira serão iniciadas a revitalização da Praça 15 de Agosto e as melhorias na quadra do Mosquito e no campo do Abóbora. Serão feitos ainda serviços de canalização do Rio Salgado e de limpeza do Rio Jacaré.

O programa prevê também urbanização, com implantação de asfalto, iluminação e ciclovia. No Jacarezinho, dois condomínios serão reformados, um na Av. Dom Hélder Câmara e outro no Conjunto dos Ex-combatentes. Serão construídos, dentro do programa Casa da Gente, 765 imóveis. A população também ganhará uma unidade da Faetec. A Escola Luiz Carlos da Vila e a Biblioteca Parque de Manguinhos serão revitalizadas.

Na Muzema, o Estado levará o Casa Legal, programa de regularização fundiária. Ainda vão ser entregues títulos de propriedade e realizadas intervenções jurídicas, urbanísticas e sociais na comunidade da Zona Oeste do Rio. Também estão incluídas no Cidade Integrada as construções de uma unidade de saúde e de uma escola.

 

Programas exclusivos

Inicialmente, dois programas foram criados especialmente para atender às comunidades beneficiadas pelo Cidade Integrada. Um deles é o Desenvolve Mulher, de incentivo à autonomia de mulheres entre 16 e 30 anos. O Estado vai oferecer cursos profissionalizantes e quem participar de pelo menos 75% das atividades receberá um auxílio mensal de R$ 300. Outro programa é o De Bem Com a Vida, de atendimento a idosos em espaços com entretenimento, cuidados com a saúde física e mental, inclusão digital e assistência jurídica na área previdenciária.