Orquestra realiza gravação à distância, com canção símbolo do protesto contra o Apartheid

0
312

Com suas apresentações interrompidas por conta da pandemia de coronavírus, integrantes da Orquestra e Coro Nova Sinfonia gravaram trilhas à distância para dar forma à canção Senzenina, que possui origem africana e foi usada como canto de protesto durante o Apartheid, sendo ainda entoada em diferentes cerimoniais.

A Nova Sinfonia é uma seleção formada por alunos das Escolas de Música e Cidadania, projeto da ONG Agência do Bem, presente em 11 localidades do Rio de Janeiro e em outros cinco estados do Brasil. Desde março vem realizando suas atividades remotamente, chegando a mais de mil alunos por meio de salas de aula virtuais.

O vídeo está disponível no Youtube – https://agenciadobem.us19.list-manage.com/track/click?u=8e7c0271f5a5959f572281a7b&id=6078abb898&e=98e22cd586